setembro 19, 2017

Algumas coisas simplesmente não eram pra ser.

Não era pra ser teu abraço. Não era pra ser teu toque.

Não era pra ser a tua ligação no meio da madrugada dizendo que tá com saudades.

Já me convenci que não era pra ser eu o motivo da sua risada, tão pouco a razão da sua dor de cabeça.

Algumas vezes eu menti pra mim mesma, me fazendo acreditar que era pra ser assim.

Mas o tempo passa e de tanto dar de cara com a parede do “não”, eu aceitei que não era pra ser.

Não era pra ser a gente.

Não era pra ser dessa vez.

Não era pra ser desse jeito.

Não era pra ser você.

Postado por:
Maria Helena

Postado em: Textos

Compartilhe este post:

Share Button

Nenhum comentário


Deixe o seu comentário!